Quinta, 19 de Maio de 2022
29°

Pancada de chuva

Uruará - PA

Polícia Droga

Medicilândia: PM flagra mulher e uma adolescente com quase 400g de crack

Denúncia anônima contribuiu para a apreensão da droga

14/05/2022 às 10h11 Atualizada em 15/05/2022 às 14h22
Por: Joabe Reis Fonte: Gazeta Real
Compartilhe:
Medicilândia: PM flagra mulher e uma adolescente com quase 400g de crack

O tráfico de droga tem ficado cada vez mais escancarado na região do Xingu (Pará), mas as forças de segurança tem combatido o crime realizando prisões e apreensões. Nesta sexta-feira, 13, policiais da 13ª Companhia Independente de Polícia Militar (13ª CIPM) na cidade de Medicilândia (PA), conseguiram evitar a comercialização de quase 400 gramas de substância do tipo crack que estavam sob a posse de uma mulher e uma adolescente. Uma denúncia anônima ajudou a polícia.

Segundo informações policiais, por volta das 16h uma cidadão que não quis informar seu nome, compareceu ao pelotão da 13ª CIPM de Medicilândia, informando que duas jovens estariam se deslocando da cidade de Altamira (PA), para a cidade de Medicilândia transportando uma certa quantidade de droga. Posteriormente uma Guarnição se deslocou em rondas e por volta das 18h avistou a nacional C.S.E. (menor de idade) e a nacional de prenome Josilane, as quais foram abordadas na Rua WD, pois estavam com as características da denúncia citada (vestido preto e a outra estaria com uma criança de colo). Ainda segundo informações da polícia, ao ser perguntado se elas estariam com algum material ilícito as mesmas responderam que não. No entanto quando os policiais verificaram a bolsa que as mesmas carregavam, acabou sendo encontradas dentro de uma caixa de papelão várias embalagens de substâncias que aparentavam ser Crack.

Diante dos fatos a menor e Josilane foram encaminhadas para a Delegacia de Polícia juntamente com a droga para os procedimentos legais. Na delegacia o material aparentemente crack foi pesado aferindo uma quantidade de 393.86 gramas.

Ainda de acordo com a PM, o Conselho Tutelar foi acionado, pois uma das suspeitas estava com uma criança de colo.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias