Sábado, 20 de Julho de 2024
°C °C
Publicidade

Assassino que matou 2 homens no km 213, zona rural de Uruará, foi preso em Tucumã

A Polícia Civil cumpriu o mandado de prisão na terça-feira, dia 2 de julho

06/07/2024 às 13h40
Por: Joabe Reis Fonte: Gazeta Real
Compartilhe:
Suspeito preso
Suspeito preso

Na terça-feira, 2 de julho, a equipe de Polícia Civil de Tucumã (PA), cumpriu um mandado de prisão preventiva expedido pela justiça em desfavor do nacional, Kelmon Rezende Almeida, p mesmo é suspeito de ter assassinado a tiros dois homens num bar do km 213 da rodovia Transamazônica (BR-230), zona rural do município de Uruará (PA). O crime aconteceu na noite de 11 de junho de 2022. O autor do duplo assassinato, apontado como senso o nacional Kelmon, estava foragido desde então, e após ser localizado na cidade de Tucumã, no sul do estado, ele finalmente foi preso.

O mandado de prisão havia sido expedido pela Justiça Estadual, em Uruará.

Os homicídios

Local do crime acontecido em 2022, na zona rural de Uruará

Na noite de sábado, 11 de junho de 2022, uma discussão por causa de jogo de sinuca acontecida num bar localizado no km 213 (faixa) da rodovia Transamazônica (BR-230), zona rural de Uruará (PA), terminou om duas pessoas sendo alvejadas a tiros. O crime aconteceu por volta das 21h. o homem identificado como sendo o nacional, Cristiano Pires da Silva, de 43 anos, foi atingido na nuca e morreu no local, já o nacional, Rafael dos Santos Moreira, também foi atingido, mas sobreviveu e socorrido por populares, sendo levado para o hospital municipal de Uruará (leia a matéria que publicamos sobre esses fatos clicando AQUI). Porém Rafael dos Santos Moreira, acabou falecendo no Hospital Regional Público da Transamazônica em Altamira, no sábado, 16 de julho de 2022, 34 dias depois de ser atingido pelo disparo de arma de fogo efetuado pelo suspeito Kelmon, na fatídica noite de 11 de junho de 2022, no bar do km 213 faixa. Segundo consta a apuração da polícia, Rafael não estava envolvido na briga resultante de um jogo de sinuca, mas acabou atingido por um dos tiros efetuados no local (leia a matéria sobre esses fatos que publicamos, clicando AQUI).

A prisão do suspeito

Após investigações da Polícia Civil, o endereço do autor dos crimes foi localizado no loteamento Buriti, no Bairro Cidade Jardim, na cidade de Tucumã, no sul do Pará. A casa do homem passou a ser monitorada pelos policiais, que em posse do mandado, deram voz de prisão a ele quando o mesmo chegava em casa numa caminhonete, no dia 2 de julho de 2024.

O homem capturado não reagiu a prisão e foi levado para a Delegacia Civil de Tucumã, para os demais procedimentos legais.

Kelmon possivelmente será transferido para o presídio em Vitória do Xingu onde aguardará por seu julgamento a ser realizado pela justiça no futuro.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Economia
Dólar
R$ 5,60 +0,00%
Euro
R$ 6,10 +0,00%
Peso Argentino
R$ 0,01 -0,63%
Bitcoin
R$ 394,946,12 -1,24%
Ibovespa
127,616,46 pts -0.03%
Lenium - Criar site de notícias