Quinta, 16 de Setembro de 2021 16:00
93991395136
Polícia Homicídio

Uruará: Idoso é morto a tiro em fazenda do travessão do Zero

Caso está em apuração

01/09/2021 10h07 Atualizada há 2 semanas
2.447
Por: Joabe Reis Fonte: Gazeta Real
Uruará: Idoso é morto a tiro em fazenda do travessão do Zero

Mais uma morte no campo é registrada na zona rural do município de Uruará (PA). Um homem foi morto a tiro numa fazenda do Travessão do Zero. O homicídio ocorreu no início da tarde de terça-feira, 31.

Agentes funerários que acompanhavam a equipe policial da Delegacia de Polícia civil para proceder com a remoção do corpo não conseguiu chegar ao local do crime devido às condições desfavoráveis da estrada por causa da chuva que havia caído. O corpo será removido por uma equipe do IML de Altamira (PA).

Segundo informações, a vítima, Gilberto de Oliveira Ferreira, 61 anos, de posse de uma espingarda teria feito ameaças a outra pessoa antes de ser morto. o mesmo também teria efetuado vários disparos de arma de fogo contra a sede da fazenda. A Polícia Civil ainda não falou sobre o caso, mas há a possibilidade de se tratar de legítima defesa.A Delegacia de Polícia Civil possivelmente irá instaurar inquérito para elucidar o caso. Ainda de acordo com informações, no passado a vítima havia trabalhado na fazenda e nesta terça-feira, sem motivo aparente, teria chegado a sede da propriedade armado de espingarda fazendo ameaças e disparos de tiros. O corpo de Gilberto foi removido do local por volta das 12 horas desta quarta-feira, 01, pelo IML.

Este foi o 12º assassinato na zona rural do município de Uruará em 2021, a maioria dos casos ainda está sem solução, ou seja, sem a prisão dos autores. Mas os crimes seguem sob investigação policial e segundo a Superintendência da Polícia Civil na região do Xingu, a autoria de grande parte dos homicídios já foram identificadas e diligências estão sendo feitas a fim da realização de prisão dos mesmos.

Na verdade, nós tivemos nos últimos anos uma grande redução em relação aos crimes de homicídio, principalmente no município de Uruará. Mas infelizmente nesse mês de agosto tivemos registros de homicídios. A Polícia Civil sempre quando toma ciência desses fatos segue as diligências fazendo os levantamentos necessários. E boa parte desses homicídios ocorridos agora no mês de agosto já estão com autorias solucionadas, as medidas cautelares junto a justiça já foram tomadas, sendo feita representação por medidas cautelares, e a Polícia Civil segue nas diligências naqueles casos que ainda não tem autoria identificada”, asseverou o Superintendente de Polícia Civil na Regional do Xingu, Delegado Walison Damasceno.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias